Publicações de fernandopoiana



A língua morta do presidente provisório

O governo provisório de Michel Temer mal começou e já tem pelo menos três traços identitários fundamentais: sua eminência parda é Eduardo Cunha, responsável por pelo…


Previsivelmente imprevisível

“Certa vez ouvi a Betty Davis dizer que você não é ninguém até ser difícil. Eu sou um grande fã da Betty Davis”. Com esse…


Trocando em miúdos

Eu avisei! É tudo que posso dizer e modestamente deixar registrado para a história da qual ainda sou testemunha mais ou menos direta, como tantos…


Nota de tripúdio

Nós, os filósofos Hegel, Marx, Engels e Nietzsche fazemos saber que, nessa data, tomamos conhecimento dos lamentáveis usos indiscriminados dos nossos nomes e ideias em peça judicial…



The Winery Dogs e o melhor dos dois mundos

Fernando Aparecido Poiana Existem poucas bandas que conseguem equilibrar o virtuosismo técnico com a capacidade de construir canções com boas melodias e que apelem, ao…