Cultura

Previsivelmente imprevisível

“Certa vez ouvi a Betty Davis dizer que você não é ninguém até ser difícil. Eu sou um grande fã da Betty Davis”. Com esse…



A borboleta, um conto infantil

– Mamãe, mamãe! Tem uma borboleta no chão do banheiro. É gigante, mamãe! – Sei. Escova os dentes e vai já pra cama. – Mamãe,…


ATÉ O FIM

Quantas vezes Ricardo viera ao consultório, entre constrangido e esperançoso, inventando no caminho uma justificativa para o vício e, mais uma vez, consultava o doutor…


Grampo

Na sala. Toca o telefone. – Pronto. – Boa noite. Gostaria de falar com o Sérgio. – Pois não, sou eu mesmo. – Então, consegui…


Nota de tripúdio

Nós, os filósofos Hegel, Marx, Engels e Nietzsche fazemos saber que, nessa data, tomamos conhecimento dos lamentáveis usos indiscriminados dos nossos nomes e ideias em peça judicial…


Maré

Olho-te como olharia o nada, ou como se o nada me olhasse em volta. A visão que me ocupa a vida, e de mim me…



A dialética do (auto)conhecimento

“A vida é a arte do encontro, embora haja tanto desencontro pela vida”, já dizia, sabiamente, Vinicius de Moraes. Sim, encontramo-nos e desencontramo-nos diversas vezes,…


Vossa Excrescência

Caro senhor, perdoa-me a improbidade Embora sejamos nós dois semelhantes Não quero que dispas, sequer um instante, Teu estimado pendor da autoridade.   Desejo somente…